Debut de As estrelas mostram o caminho

https://goo.gl/CMecHz
Já fazia muito tempo que queria ter algo no wattpad, já que pode-se considerar que é uma etapa de muitos escritores de hoje. E que não fiz…
As estrelas mostram o caminho: meu novo livro, minha nova série, que tentarei atualizar quinzenalmente

Já tem um prólogo e um capítulo publicado. Então… acessem pelo link ou então clicando na imagem

para o instagram (14).png

Novidades: livro novo, grupo de traduções novo, tradutora nova!

para o instagram (13).png

Digamos que são novidades acumuladas, já que só agora tenho tempo para falar. Usemos uma cor de texto para cada uma!

A primeira, e para o nome Valentina Valentina Linz, a mais importante, é sim um livro novo, numa plataforma que já usei por algum tempo, mas abandonei. Tive meus tempos de https://www.fanfiction.net/ há vários anos atrás, foi lá que comecei a escrever, a ter leitores… com um outro nome que NÃO VOU REVELAR qual é (para mim, essa é uma época obscura na minha vida). E quando decidi publicar livros, decidi escrever tudo de uma vez e publicar na Amazon e na Smashwords. Por isso, nunca passei pela fase Wattpad que muitos escritores que compartilham o mesmo público que eu usam, começam…

Já tentei uma vez entrar na Wattpad, mas confesso que foi sim uma idiotice. Decidi disponibilizar A vilã da história nele, mas depois de cerca de um ano de publicação em outros meios. Sim, não fazia o menor sentido. Porém, sempre senti que tinha que fazer algo no Wattpad.

Como falo em várias “cônicas de uma tradutora”, tenho mais de um livro sendo escrito no momento, e tenho esse histórico de abandona-um-livro-e-pegue-outro-depois-volta-para-o-último-livro. Aquele que realmente estou usando toda a minha dedicação é um livro que terá que passar por uma revisão séria depois que eu terminar. E como é o dia das novidades, não vejo problema algum em compartilhar o título provisório dele:

… e bonita também

(sim, o título é “… e bonita também”, com os três pontinhos!)

Mas… eu tinha esse desejo de publicar algo no wattpad. E não poderá ser … e linda também. Já fazia algum tempo em que não tinha esses ideias repentinas, e se tem algo que sei de mim mesma, é que minhas ideias que surgem do nada geralmente me levam para algum lugar. E do nada, lembrei-me de um livro que estava abandonado há alguns meses. Parei de escrever … e bonita também para me dedicar a esse livro, mas logo voltei ao livro antigo. Mas… pensei que sim, esse livro é perfeito para o wattpad.

O nome do livro é As estrelas mostram o caminho e o link para ele é esse aqui, e a capa é essa aqui:
Valetina Linz (2).png

Sim, quando falei que os livros chineses estavam sendo uma inspiração para mim, essa inspiração está sendo colocada na prática com esse livro! Mais comentários sobre As estrelas mostram o caminho em um próximo post!

E já anunciei que as minhas traduções migraram para a Otaku Nya Scan, elas já migraram. Os dois livros que estou traduzindo, A encantadora cortesã: Mei Gongquing & A princesa WeiYang, já estão no ar lá. Basta acessar para lerem. Mas não é sobre isso que queria falar aqui.

Como já disse, foi criado um grupo de traduções lá de livros (ou novels… odeio esse nome, acho que tem um sentido degradante, como se não fossem livros de verdade!), e esse grupo está começando com força total! Já temos autorização para traduzir diversos livros populares, alguns que acompanho e posso afirmar que são bons. O grupo está aberto para novos tradutores e revisores voluntários.

Caso você se interesse, basta entrar em contato com eles.

(caso me perguntem como tenho tempo de escrever livros & traduzir livros, a resposta é simples: é isso o que faço no meu momento livro. Não assisto TV, não fico conversando em grupos, nada de youtube, 0 de vida social. Cada um se diverte do seu jeito!)

Agora, o último recado:

The story’s villain – part 1 já está disponível em pelo menos 3 plataformas digitais. E finalmente temos um provável tradutor para o restante do livro. Talvez esse anúncio seja rápido demais, considerando que nem sempre um acordo de tradução vai para frente, mas ele foi feito! Logo teremos a part 2!

Só relembrando- A encantadora cortesã (mei gongqing)

Como sinto a necessidade de relembrar ao mundo toda hora, a tradução de A encantadora cortesã: mei gongqing já tem 5 capítulos publicados. Terá mais 5 essa semana.

E não, não é a história de uma prostituta, mas de uma mulher na China Medieval que teve a infelicidade de nascer gostosa.

E não, não adianta esperar por vários capítulos para ser publicado como e-book, já que NÃO tenho autorização para isso. Só posso publicar em lugares nos quais tenho certeza que ninguém vai lucrar com esse trabalho. Se quiser salvar os textos como livro virtual, tudo ok, só não distribua!

Para lerem, basta clicarem na imagem!

A encantadora cortesã

 

Primeira novidade

Já anunciei que teriam novidades em breve, e agora vou anunciar a primeira.

O segundo livro da série “Um conto de uma fada” está pronto!

Na realidade, já estava terminado há mais de um ano, porém eu tenho o hábito de revisar o que escrevo depois de um tempo. Gosto de terminar de escrever ao, esquecer o trabalho que tive e então julgar. Se eu reviso logo depois que termino, acho que fico enviesada. Tenho dó de fazer grandes cortes e julgo no mesmo embalo que escrevo. No livro “A vilã da história” mesmo eu gostei muito de um título de capítulo, e se eu revisasse depois, deixaria. Só que depois de um tempo percebi que não sei encaixava bem, e tentei colocar em um lugar melhor, para então descobrir que estava ridículo!

Já vou enviar para ser registrado, e esse processo demorará pelo que tive experiencia cerca de 100 dias. Então, daqui há 3 meses teremos a data de publicação do livro.

Mas vou adiantar o título. Originalmente eu planejava que fosse “O príncipe desencantado”, depois passou para “Realeza desencantada” mas decidi trocar. Aqui está o definitivo:

A fada desencantada

Colocarei a sinopse provisória na sessão de livros, que você pode acessar clicando aqui. Também adianto que é um pouquinho maior que o primeiro. Parece que chegaremos às 500 páginas (não sei se é bom ou ruim)!

Também logo vou mudar a capa de “A vilã da história” por uma profissional, mas isso vai estar junto com mais uma novidade. Só vou deixar para vocês a capa que eu estava trabalhando, com o título antigo.

capas.jpg

Amazon e Wattpad

15

Depois de muito tempo tentando, consegui fazer com que a Amazon disponibilizasse A vilã da História de forma gratuita permanente. Disseram que seria rápido, mas não é…

Para baixar, basta clicar no banner ao lado ou aqui!

Ainda, tomei a decisão de disponibilizar o livro no Wattpad. Tinha uma reserva com relação a isso antes, mas agora decidi colocá-lo nessa plataforma. Contudo, creio que esse será o único livro que disponibilizarei dessa forma. Está sendo atualizado aos poucos,  a cada 2 ou 3 dias. Por enquanto, o segundo livro da série não será publicado por lá, e ainda não tenho a intenção de rever essa ideia.

Para acessar A vilã da história no Wattpad, entre na sessão de livros ou clique aqui!

 

 

smashwords & decisões & capa nova

Para quem me acompanha, sabe que tenho o desejo de disponibilizar o meu primeiro livro online de graça, e pensei que sabia como fazer isso quando o publiquei. Porém, não fiz o meu dever de casa e aquilo que pensava que poderia me possibilitar isso, acabou sendo um peso.

Vou fazer a minha avaliação raivosa do KDP select da Amazon: se você escrever em uma língua diferente da inglesa, não se afilie. Esse é um programa no qual quando você se cadastra, ganha algumas possibilidades. Pode como colocar o livro na biblioteca de empréstimos da Amazon e possibilitar o download de graça para aqueles que assinam o Amazon Unlimited. O porém disso é que quase ninguém opta por ter o Amazon Prime  e o Amazon Unlimited… E a opção de colocar anúncios e oferecer descontos só é possível para o Amazon americano. Como já mencionei antes, a possibilidade de oferecer o livro de graça é delimitado por 5 dias. E o grande problema, para ter esse serviço, você faz o compromisso de exclusividade de venda de 90 dias em qualquer formato digital.

Esperava ansiosamente pelo fim desses 90 dias.

No entanto, decidi não esperar esse tempo. Sei que foi um descuido meu, mas desde que publiquei, estou com raiva dessa plataforma, e chegou o dia que tomei a decisão de, em vez de esperar, quebrar o contrato. Disponibilizei A vilã da história ontem pelo Smashwords. De grátis! Devido a essa decisão, logo logo minha filiação com o KDP terminará e, quando isso acontecer, o livro também será disponibilizado de graça na Amazon.

O que é smashwords? É um site de publicação e distribuição de livros digitais que me permite disponibilizar o livro de graça em várias lojas virtuais. Aliás, no site da smashwords você pode ler livros online.

Essa é a página do livro no site: https://www.smashwords.com/books/view/634592

E também já estou na Kobo: https://store.kobobooks.com/en-ca/ebook/a-vila-da-historia

Apoveitando o espaço, o livro está de capa nova. Essa que já estava na versão impressa:

A vilã da

E sim, eu sei que Caetana é morena e a modelo é branca… Por isso optei por colocar uma outra imagem desfocada na frente, já que assim ficou mais misterioso que jogar uma cor por cima (e minhas habilidades de manipular imagens fizeram com que ela ficasse horrorosa bronzeada!). A capa era outra coisa com a qual estava insatisfeita. Sempre achei a antiga feia, e essa é bem mais bonita! Muquirana como sou, procurei só por imagens gratuitas para confeccionar a primeira, também já planejava as demais capas dos futuros volumes, e não encotrava nada que me agradasse. Agora, decidi que se não gastar dinheiro, não teria nunca yma capa ao menos apresentável.

A foto mais nítida faz parte de um ensaio fotográfico, usarei ele para todos os outros volumes. Adorei a modelo, ela é extremamente expressiva! Pena que não consegui o nome dela, só do fotógrafo, que é muito talentoso. Queria ver mais do trabalho dela…

Versão impressa de A vilã da história!

Quer ler o livro A vilã da história, mas não tem kindle e nem gosta de ler no computador? Agora você pode pode ter a versão impressa!

A vilã da.jpg

Agora o livro A vilã da história está sendo vendida pelo Clube de Autores na sua versão física. Está com uma nova capa, a mesma que usarei na versão digital uma vez que meu contrato com o Kindle Unlimited encerrar.

O preço no momento é R$ 44,75 a versão brochura (que é aquela que você talvez conheça como de um livro) e R$ 39,61 a versão espiral (que basicamente é o que você recebe quando xeroca um livro). Sei que pode ser caro, mas serviços de impressão por demanda geralmente são caros… Fiz o impossível para baratear a produção, a letra está minúscula e meu lucro é quase inexistente. Para terem uma ideia, se eu usasse a versão que enviei para a Amazon, ficaria mais de R$ 60,00! Disponibilizei essa versão só para vocês terem a possibilidade de colocar as mãos no livro fora de um meio digital.

Porém, há sempre promoções no site. Toda vez que tiver, avisarei!

Para comprar, basta clicar na imagem ou acessar esse link: https://www.clubedeautores.com.br/book/208347–A_vila_da_historia#.VyS0rzArLDc

 

Música tema de A vilã da história – e o que ouço enquanto escrevo

Caetana Pimenta, a protagonista maquiada.jpg

De vez em quando gosto de ouvir música enquanto escrevo. Não rádios, uma seleção de músicas favoritas e famosas, mas sim músicas que ficam em segundo plano. Basicamente, sons que não despertarão a minha atenção, o que excluí qualquer música cantada em português. A função dela para o momento é a criação de uma atmosférica pacífica e inspiradora, ou ainda bloquear barulho do cotidiano. Como sou diurna, não conheço a tranquilidade que muitos escritores têm de madrugada. É sério, não funciono à noite!

Devido a esses probleminhas, é uma verdadeira chateação encontrar uma seleção de músicas para ouvir enquanto trabalho. Enquanto escrevia A vilã da história, encontrei um site maravilhoso, chamado Stereomood. Infelizmente, hoje não dá para acessá-lo da mesma forma que na época que escrevi a obra, em 2012-2013. Ele saiu do ar e voltou há pouco tempo, em um formato diferente e que não gostei. Tinha uma ideia legal, na qual você escolhia uma seleção de música de acordo com o humor que pedia. Writening era, obviamente, a minha favorita. Uma seleção de músicas instrumentais e um pop suave.

Foi nesse site que descobri o que chamei de “música tema” para o livro. De repente, comecei a dar atenção a música que tocava e achei que combinava com a história. É Just a ride, da cantora Jem. Talvez você não conheça, mas eu também não conhecia :)!

Gostei dela por seu jeito alegrinho, suave, que combinava com esse momento da história. E só adiantando (e dando spoilers… gosto de dar spoilers), a música que elegi como tema para o próximo livro da série já tem um toque mais sombrio. A letra diz sobre a transformação  da nossa vida e como devemos aceita-la.

Para quem quiser ouvir e conhecer, aqui está ela.

E para quem não sabe inglês, aqui está a tradução feito pelo site Vagalume.

Porém, hoje em dia eu já não ouço músicas desse tipo enquanto escrevo. Tive a infelicidade de aperfeiçoar o meu inglês, de modo que presto atenção no que o cantor diz… Uma distração indesejada quando faço tudo para me concentrar no que escrevo. Agora, escrevo ouvindo instrumentais. Gosto de ouvir sondtracks para yoga no youtube, mas o meu favorito é a seleção de músicas instrumentais do Sondclound. Sei que pode parecer estranho para alguns, mas vale a pena trabalhar/estudar ouvindo música clássica. Experimente!